Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio Autores & Leitores

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Galeria de Autores & Leitores

Caro leitor,

Este é um trabalho já aprovado pelo público!

Sinta-se à vontade para, depois de lê-lo, deixar seus comentários.

Bons Textos!

> Ler outro poema <   < Ler contos > < Ler crônicas >

QUERO NADA

por jorgehumberto41


					    
Não quero nada neste ano Nem mais dinheiro na carteira Dêem-me paz e novo ânimo Que assim a flecha será certeira. O amor se afigure diante de mim As amizades tenham sabor Se não posso estar junto de ti Não quero nada com o amor. Tão perto do nada quero estar Que quem quer nada tem E eu não vou pôr-me a blasfemar Quanto ao que não desejo, Mesmo que se realize a bem Este será o meu ensejo. Jorge Humberto 30/12/2006
Copyright jorgehumberto41 © 2007
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 893 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para jorgehumberto41.

Comentários dos leitores

Muito giro. Gostei, interessante e sonante. Parabéns!

Postado por Niafna em 11-10-2011

quero lhe dizer que gostei muito de seu comentário e que também li algo de você que me interessei muito,valeu e até mais,um abraço.

Postado por Anderson(By) em 26-06-2008

É verdade Humberto, se tivermos ânimo (vontade), tudo conseguimos... Esta força que nos toma com alegria e esperança é contagiante e parece tudo ser capaz... É como paixão que arrebenta. Bjus Iza Mota

Postado por Iza Mota em 23-04-2008

O que mais desejamos nesta vida é a paz. Gostei do seu texto.

Postado por Annacelia em 22-06-2007

Li de novo, sem querer...querendo!

Postado por Lucia em 02-05-2007

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.


> Ler outro poema <   < Ler contos > < Ler crônicas >

Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.