Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio Portal A&L

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


CONTO DE FADAS COM FINAL EM SUSPENSE



					    
RUBEMAR ALVES TEXTO transcrito de uma folha de papel azul, atirada na minha mesa de lanchonete no posto de gasolina, na minha cidade no interior paulista. Havia um bilhete: “Moço, por favor, publique.” Quem é ela e de onde me conhece? ----------------------------------------------------------------------------- CONTO DE FADAS Sou e estou aquela triste e enclausurada PRINCESA-PERERECA de destino curto que nunca ninguém viu. Eu me encantei, auto-seduzida por um PRÍNCIPE-SAPO menestrel filosófico ambulante, amor impossível com um plebeu, e não existe FADA que dê solução possível. Estou no penúltimo capítulo da minha própria estória (ainda há esperanças?), momento crucial em que todas as personagens se definem - umas casam, outras viajam para novos e distantes reinos encantados, outras desaparecem misteriosamente para sempre, talvez como ratos atrás do flautista... Estou sofrendo muito, CHORANDO de verdade. Ainda haverá o último capítulo, breve. Após este, encerro a narrativa, acaba a estória, o livro se fecha, leitor coloca o livro na prateleira... e adeus PRINCESA IRENE! Ela deve muitos momentos de felicidade a este a quem chama “o meu menestrel de violão moderno”, que se chegou a ela intrometido, devagarinho, passando a frente dos bobos que a cortejavam, e foi tão insistente que tomou para si o coração da PRNCESA, antes muito fechado e triste - menestrel o despedaçou todinho. Devo muito a ele que nem pode imaginar o quanto me fez feliz! Porque é muito raro que alguém aceite uma PRINCESA triste enclausurada em si mesma - a torre é a própria PRINCESA IRENE. O livro vai ser fechado em paz, espera-se (IRENE, paz em grego), e a princesa-perereca vai dormir durante um ano. ----------------------------------------------------------------------------- Este menestrel ou príncipe-sapo ou somente sapo é especialíssimo e a pessoa mais maravilhosa que a princesa-perereca teve a felicidade de conhecer em toda a sua curta vida antes que o livro se feche. IRENE, eternos 18 anos. Ele - filosófico, fino, educado, respeitoso, boa pinta, entre o mochilão e o violão às costas, largadão, geralmente não compreendido (mas nosso herói é auto-sufciente, ‘não precisa’ que o entendam!). Menino grande daqueles de deitar a cabeça no colo da princesa (ou da vovó?), ela o paparicar e não largar nunca mais... Por mim, este livro nunca chegaria à palavra FIM. Rio de Janeiro, 28/12/2010. ----------------------------------------------------------------------------- Pronto, PRINCESA, aqui está publicada a sua estória. Lágrimas dos 18 anos não duram para sempre. Boa sorte! ---------------------------------------------------------------------------- NOTA DO “PADRINHO” DE TEXTO ALHEIO: O FLAUTISTA DE HAMELIN (cidade da Alemanha, na Baixa Saxônia) - conto dos IRMÃOS GRIMM, base num fato histórico. Fábula folclórica medieval sobre a terrível praga de ratos que invadiu a cidade em 1284. No verão, atores locais em trajes de época teatralizam o conto, nos locais verdadeiros do acontecimento desagradável, para alegria de turistas contemporâneos de todo o mundo. F I M
Copyright ATHINGANOI © 2013
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 461 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Fadas são nossas companheiras a vida inteira e representam os nossos sonhos, os nossos desejos. Existe fada em versão masculina? Linda estória - quase chorei.

Postado por lucia maria em 13-01-2013

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.