Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio KD Inovações Tecnológicas

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


HORÓSCOPO DO DIA-PARTE FINAL



					    
2013, 6 de janeiro, domingo. ELE - ÁRIES - Elemento - FOGO. Modalidade - IMPULSIVO. Signo complementar - Libra. Regente - Marte. Sobre o signo - “O que vale é competir”. Se este for um momento de grande pressão, é preciso saber transformar sem destruir. Você pode sentir falta de conseguir liberar as emoções reprimidas sem machucar os outros. ELA - GÊMEOS - Elemento - AR. Modalidade - MUTÁVEL. Signo complementar - Sagitário. Sobre o signo - “O que vale é trocar.” Você tem facilidade para identificar as pessoas com quem tem afinidade. Elas podem se tornar um instrumento capaz de lhe dar mais entendimento. É tempo de construir os alicerces sólidos que irão sustentar as suas relações. Ainda ELA - Ascendente em ESCORPIÃO - Água, fixo, complementar Touro, Plutão, “O que vale é aprofundar.” O outro não tem obrigação de entender as caras que você faz ou o clima que está criando, pois nem todo mundo tem essa percepção. Tempo de deixar de querer ser incompreendido e tornar a comunicação mais acessível. ELE - Quando estamos em crise, e isto acontece quase sempre, o horóscopo dá “certinho” (será?) com as nossas necessidades e ELA me envia. EU seguro os sentimentos, me reservo e assumo que às vezes libero as emoções erradas e a magoo - ELA é sensível como toda mulher, intuitiva e adivinhadora em especial. Não merece. Tento me reabilitar, mas me atrapalho e esqueço que ELA ama orquídeas e rosas. Brutalmente, um dia em que ELA me irritou muito, corrigindo “o meu português ruim” (leitor lembra desta música antiga?), enviei foto de um guerreiro viking malvado, armadu ra de ferro, lança agressiva na mão e onomatopéia de “grrrrr”. ELA ficou decepcionada, triste, dias depois enviei foto do cantor, não agradei: ELA prefere e ama o CBH (como escreve sempre, “O Chico é carioca, filho da dona Maria Amélia e do doutor Sérgio.”), muito mais intelectualizado!!! Omito certos particulares apenas para não magoá-la, entristecer; não fica bem que EU descreva aventuras amorosas que logo passam, tenham sido proveitosas para mim ou decepcionantes. Na minha idade, os sonhos logo se dissipam e as decepções se acumulam. MARTE - Era o pai dos gêmeos RÔMULO e REMO (estou cruzado com ELA desde a Roma Antiga?), lendários fundadores da nação romana (fundei ou afundei meus sonhos?). Filho de JUNO, era um deus brutal, gigantesco (daí meu apelido Gigante?) e protetor incontestável da guerra e dos combates (assumo que sou combativo, do tipo chegar à frente do primeiro lugar), terror dos próprios deuses e da gente primitiva (acho que não causo medo a ninguém), consagrado em inúmeros templos (não tenho religião estabelecida). Na Grécia, com idêntica veneração, tinha o nome de Á RIES (tenho orgulho de ser ARIANO, macho (sou prepotente?!), filho de ZEUS e HERA. Dá nome ao terceiro mês do ano (mas nasci no 4º mês) e é o primeiro na lista dos signos zodiacais. Como todos os deuses, sua vida amorosa era truculenta (não chego a tanto) e aventuresca (até certo ponto, sim - não aceito amarras), destacando-se a mútua paixão por VÊNUS (vivo na contramão do amor: não correspondido quando “penso” que amo), em grego AFRODITE, esposa de VULCANO, cujo delator ALECTRON, criado de MARTE, sentinela celeste que deveria avisar a chegada do sol, fofoqueiro (odeio pessoas deste baixo nível), anunciou a VULCANO a novidade sexual, isto sim, e por castigo foi transformado em galo (boa sugestão para um almoço de domingo). ----------------------------------------------------------------------------- ----------------------------------- ELA - Não faço de propósito. Compro o jornal, coincide estarmos em crise, a mensagem do dia é conveniente, mando para ELE - adora implicar comigo sem que EU possa me defender ao vivo e na hora. Sou franca, sincera, objetiva e direta. Não minto, não omito, não escondo nada. ELE machistamente exagera algo ou conta pela metade ou omite. Persegue minha cerveja; manda usar ‘copo seco’. Quando silêncio durante alguns dias, ELE se irrita; de que forma posso provar que sou amiga fiel e estive um período sem Internet? Não o troquei por ninguém. Temos um contrato intelectual e ambos somos responsáveis pelo que juramos um ao outro. As flores que me envia, encantam, mas não hipnotizam, como ELE imagina. EU me senti ameaçada ao ver o desenho horrível de um guerreiro agressor. Fico triste porque não confia em mim, não me conta as aventuras e conquistas, não chora comigo os abandonos e desilusões. EU ainda o acho muito moço, embora fios de cabelo branco estejam a caminho e isto o assusta um pouco. Galã que vai encantar sempre... MERCÚRIO - Este nome para os romanos e HERMES para os gregos, filho de JÚPITER e MAIA. Nas suas diversas ocupações (sou múltipla com muito orgulho), servia como grande elo a seu pai, em afazeres divinos e principalmente conquistas amorosas (não: EU não tenho vocação para maléfica alcoviteira). Era ainda o deus da eloquência (esse sou EU: bem falante , discursiva e convincente), dos viajantes (adoro uma estrada), mercadores e... dos ladrões, além de diplomata (3M: minha missão máxima) nos tratados de paz e de aliança. Segura uma bolsa (minha sacola sempre cheia de livros) na mão direita e um caduceu, isto é, um bastão, na esquerda; tem asas nos calcanhares e em cima do caduceu, como símbolo de presteza em cumprir as ordens dos deuses (secretária de um chefinho que luta sempre contra mim e depois me obedece). Uma das lendas do caduceu, bastão com duas serpentes enroladas, uma em frente à outra, é que JÚPITER, casado e eterno mulherengo, apaixonou-se por MAIA e se transformou-se numa serpente para conquistá-la (EU o rejeitaria!). MERCÚRIO, num OLIMPO nada tranquilo (a vida de ninguém é tranquila), teve também suas desventuras, um dia desagradou o pai e foi expulso, daí que usou suas “habilidades” no exílio para roubar os bois de APOLO, porém foi denunciado pelo pastor BATO, a quem o encolarizado MERCÚRIO (ah, quando me aborreço pesado... ) transformou em pedra de toque (em química, identifica ouro, prata e suas ligas). F I M
Copyright ATHINGANOI © 2013
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 280 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Sou assumida discurseira, comunicativa e enroladora como Mercúrio. Adoro meu chefinho trapalhão e brabíssimo! Nossos retratos muito bem escritos aqui. Parabéns!

Postado por lucia maria em 07-12-2013

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.