Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio BAC

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


FOI ENGANO?! (quantas vezes?)



					    
Cerca de 360 brigas “amistosas” por ano... Discutem entre o computador da sala e o do quarto. ELA imprime tudo... para ELE nunca poder dizer que não digitou determinada mensagem ou que a mulher, professora de português e literatura, “não soube ler”. O quê?! Super fã de JOÃO GUIMARÃES ROSA - conceito A em trabalhos na Faculdade de Letras... Do escritório, onde arrumou emprego temporário de dois meses, ELA mandou um e-mail para o marido, dizendo que - embora ELE seja casado com outra mulher (a própria, em dupla versão Geminiana) - “o ama profundamente”. Num segundo e-mail, tempo imediato, pediu desculpas por ser muito perguntadeira, marido fechadão e discreto, botou em ‘pratos limpos’ assuntos pendentes, as apenas ‘meias verdades’ que ELE conta, sorriso no rosto “cínico e debochado” - palavras dela porque o próprio se diz um ‘quase’ santo. A mulher leu nem sabe mais onde sobre um filme antigo onde havia uma frase que de leve diminuiu: “Amar é nunca (ter que) pedir perdão”. Terminou assim o e-mail. Recebeu uma resposta do chefe e não se deu conta na hora de que, na verdade, endereçara o primeiro e-mail para este, por acaso com o mesmo sobrenome do marido, e era um tal de A... pra lá e pra cá, viciada no amor de casa, nem olhava mais a tela para conferir coisa alguma. Nem é mau uso da tecnologia - é a pressa que atropela tudo e a emoção desatada que a distrai: falta de atenção mesmo. Na resposta, o fulano pedia para ser discreta, não comentar uma única palavra sobre esta troca de recados e que viesse no dia seguinte com o traje vermelho (cor predileta do marido) que ele apreciava muito. Aí, “depois do expediente, nós dois juntos...........” Frase insinuada, incompleta. Após uma noite um tanto muda e muito maravilhosa, acordou atrasadíssima e esqueceu. Calça comprida roxa, camisa de malha lilás com rendinhas cor-de-rosa, sandália rasteira preta, colarzinho prateado com uma figa de madeira envernizada. Chefe colocou sobre a mesa dela uma orquídea lilás. E foi só. Descobriu o engano. ELA é perigosa criativa. Endereçou novo e-mail, agora conscientemente para o chefe. Meu Amado Maridinho: Nunca pensei em outro homem que não fosse você. Nem como vingança de sua traição imaginária... Existe um idiota que me assedia aqui no escritório, sempre, desde o primeiro minuto em que me viu. Aprendeu, sei lá onde, a me chamar de Ratinha, às vezes Coelhinha ou Corujinha; diz que certa vez mandei um e-mail para ele, na outra sala, e assinei assim, isto é, coloquei 3 imagens de bichinhos, pode? Para ele? Nunca. Jamais trocar meu Cigano Gigante Sedutor Hipnotizador por um baixinho, gordinho, careca, de roupa amassada e amarelada... Ah, e que nunca leu Machado de Assis, Rubem Braga, João Antônio, Platão, Marx, Engels... Responder a todos. (O dedinho delicado se enganou?) Pediu demissão. Afinal, pouquíssimo, quase nada a perder: era o quinquagésimo oitavo dia de trabalho! FONTE (para inspiração): “Desastre on-line” / Caderno Boa Chance - Jornal O GLOBO, Rio, 21/7/13. --------------------------------------------------------------------------- NOTA DO AUTOR: “Love Story” (História de amor) - Filme estadunidense, tragédia lacrimejante, 1970 - antológica frase em inglês: “Love means never having to say you’re sorry.” F I M
Copyright ATHINGANOI © 2014
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 277 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Trocar destinatários de e-mails é velho golpe feminino, desde Eva que às vezes usava folha de figo (outro símbolo do amor) e mandava Adão, que "não" enxergara direito, ir ao oftalmo pedir óculos. Parabéns!

Postado por lucia maria em 16-02-2014

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.