Página inicial do portal Autores & Leitores
Quem  |  Autores  |  Leitores  |  Associados  |  Mural  |  Dúvidas  |  Contato  |     PUBLICAR    |
Entrar | Registrar
 Esqueci minha senha
Anúncio KD Inovações Tecnológicas

Área dos LEITORES

Colunistas

Autores Consagrados

Quadrinhos

Bibiotecas Virtuais

Livros

Novos autores

Downloads

Lançamentos

Ofertas

Informações

Autores & Leitores  >  Leitores >  Novos

Apresentação de trabalho publicado

Caro leitor,

Sinta-se à vontade para ler este trabalho e deixar seus comentários.

Bons Textos!




< Visite a Página Pessoal de ATHINGANOI >


REPITO O QUE ME CONTARAM...



					    
BEATS & HIPPIES O movimento BEAT de artistas boêmios, os BEATNIKS, surgiu como semente desde 1948, a seguir anos 50 - rompimento com a sociedade da época, tempo da inicial ‘juventude transviada’.  Entre 1950/1953, guerra da Coreia:  muitas vidas perdidas a favor do nada! ----- O movimento HIPPIE - de maior abrangência e repercussão mundial - surgiu nos States ao meio dos anos 60, Europa de orelhas em pé... - recusa a uma sociedade injusta, hipócrita e consumista.  Jovens de cabelos longos, preferencialmente mal cuidados para chocar a opinião alheia, roupas exóticas e multicoloridas, sandálias rudes ou pés descalços, adotaram o artesanato e a vida em comunidades agrícolas, produzindo o sustento com as próprias mãos.  Outras características foram a continuação do rock dos anos 50 e muitas revoltas estudantis.  Perdida a confiança na sociedade eem que viviam, largaram o mundo das “amarras”.  Num tempo recorde, centenas de comunidades, originalmente nos países da América do Norte, logo em seguida pelo mundo todo.    PEACE AND LOVE era o slogan, ideal seria sem guerra - tempo de Estados Unidos versus Viet Nam:  outras vez vidas perdidas a favor do nada!  - e com muito amor.  Contra as discriminações em geral, inclusive o racismo, o individualismo egoísta, a hipocrisia social, rejeição ao ‘american way life’ em seu acúmulo de bens materiais, descrença nas pessoas mais velhas (ah, os acima de 30!).  A favor da solidariedade e da verdade humanitárias.  Passividade, rosto sereno, passeatas em que distribuíam flores.  FLOWER POWER, outro slogan. ----- Os dois grupos, BEATNIKS e HIPPIES, consumiam drogas e no segundo momento surgiu o LSD, ácido lisérgico negativo da grande aventura, criando o psicodelismo. ----- Na música, os hippies trocaram o tradicional jazz negro pelo rock, nome encurtado de ‘rock and roll’, não se podendo negar nos anos 60 o sucesso internacional dos Beatles e dos Rolling Stones, bandas inglesas, e de Bob Marley, cantor-compositor-guitarrista, tudo isso... e norte-americano.  No Brasil, canções tropicalistas de Gil-Veloso-outros... - nosso particular slogan:  É PROIBIDO PROIBIR (setembro/1968, festival em São Paulo). ----- Triste a síntese de JOHN LENNON (dezembro/1970):  “O sonho acabou...” - frase final da canção “God”.  Aí, recomeçaram a crise econômica, a violenta repressão estudantil e as ditaduras militares no planeta......... HQ- “Dustin”, de STEVE KELLY e JEFF PARKER - Mulher olhando toldo no jardim da casa:  “Esse guarda-sol já teve dias melhores.  Está todo desbotado, puído e cheio de rasgos.  O que acha?”  Marido:  “Poderíamos deixar a Meg (filha) fazer um par de jeans com ele.” ----- Amigo ao computador:   “Helen, estou chateado com a divisão política na América,.”  Helen:  “Concordo, Bob.”  Ele:  “Eu estava pensando... vermelho é a cor da fúria e azul é raiva de resolução.  Então, o que esperamos, certo?”  Ela:  “Hum... certo.”   Ele:  “Talvez se trocarmos para tons pastéis ou cores da terra...”  Helen om cara de decepção. ----- Dustin:  “Minha nova filosofia é viver o momento.  A menos que o momento, você  sabe, seja horrível...”  Amiga, colherada de alimento verde:  “Funciona pra mim.’ ----- Dustin, jovem, se exibindo:  “Sinto muito mas o que há com o departamento de trânsito?”  Funcionário:  “O que deseja, senhor?”  Ele:  “Onde está o respeito pelo tempo das pessoas?  Eu ainda tenho lugares para estar... uma agenda para seguir...”  Funcionário:  “O senhor teria de ter feito um agendamento!”  Ele:  “Para um rápido atendimento?  (Em segredo agora.)  Acordei tarde!” LEIAM meus trabalhos “Geração(-ões) rebelde(-s) - I, II e III” e “Projeto mala única”. FONTE: Fragmento de um texto de AVELINO  ANTÔNIO CORREA, professor de filosofia, num recorte antigo de livro didático. FIM
Copyright ATHINGANOI © 2017
Todos os direitos reservados.
Este trabalho já foi visitado 11 vezes.

ENVIE este trabalho para um(a) amigo(a). ESCREVA para ATHINGANOI.

Comentários dos leitores

Esses foram os movimentos da liberdade, ainda bem - flor e amor, com responsabilidade. Boa pesquisa. Parabéns!

Postado por lucia maria em 05-11-2017

Esses foram os movimentos da liberdade, ainda bem - flor e amor, com responsabilidade. Boa pesquisa. Parabéns!

Postado por lucia maria em 05-11-2017

COMENTE ESTE TRABALHO, DIZENDO QUAL FOI A IMPRESSÃO QUE ELE LHE CAUSOU.





AJUDE-NOS a manter o bom nível deste portal!

Se você achou que este texto é ofensivo, imoral ou que fere
a nossa POLÍTICA DE USO, por favor, AVISE-NOS!




Autores & Leitores
  • Copyright A&L © 2005-2013
  • Todos os direitos reservados.